perguntas frequentes

question mark small

Porque é que a Laço não promove o auto-exame da mama?

Em vez de promover o auto-exame tradicional, a Laço promove o conceito de "Tome Conta de Si e Esteja Alerta à Mama". Em muitos países tentou promover-se o auto-exame durante vários anos e sem resultado porque as mulheres não fazem ou fazem mal. Acresce que isso pode provocar muita ansiedade e algumas mulheres podem considerar que é um substituto para outros exames incluindo o exame clínico ou mamografia. Por isso a nova estratégia é "Conhecer a sua mama" – sem nenhum processo complicado. Não é preciso aprender nenhuma técnica especial. O importante é conhecer o que é normal e agir no caso de haver alguma alteração. Por outro lado, o principal objectivo é detectar as alterações antes destas serem palpáveis (daí a importância dos exames de rastreio). 

 

O que quer dizer "Estar alerta à mama" ou "Conhecer o seu corpo"?

Qualquer que seja a sua idade, tamanho ou forma, é importante cuidar das suas mamas. Estar alerta é uma forma importante de cuidar bem do seu corpo. Significa conhecer o aspecto normal das suas mamas, para que saiba o que é normal em si. Poderá sentir-se mais confiante na detecção de mudanças. Não há forma certa ou errada de vigiar a mama. Tente habituar-se a ver e sentir as suas mamas regularmente. Pode fazê-lo no banho ou no duche, quando põe creme corporal ou quando se veste. Não há necessidade de mudar as suas rotinas diárias. Lembre-se de verificaras mamas até às clavículas e as axilas. 

1.     Saiba o que é normal em si
2.     Saiba que alterações deve procurar e sentir (sinais de alerta) woman shower small
3.     Veja e sinta
4.     Informe o seu médico sobre alguma alteração 

Sinais de alerta: 

• A detecção de um nódulo (caroço) à palpação. 
• O aumento progressivo e assimétrico de uma das mamas. 
• Alterações cutâneas (depressão, espessamento ou endurecimento da pele) localizadas. 
• Retracção de um dos mamilos. 
• Corrimento (branco amarelado ou sanguinolento) mamilar. 

Em todos estes casos, deverá recorrer de imediato ao médico.

Em que é que a prática de exercício físico pode contribuir para a prevenção do cancro da mama?

O cancro da mama está ligado com a exposição do corpo aos estrogénios (hormonas femininas). Normalmente o aumento da libertação de estrogénios acontece com a primeira menstruação (menarca), que mais tarde decresce até se dar a menopausa. O que pode aumentar a produção de estrogénios é a acumulação de gordura no corpo. Também a obesidade do tipo "maçã" na qual se acumula gordura em torno da cintura aumenta o risco de cancro da mama. A prática de exercício físico moderado e regular reduz os níveis de gordura corporal. A manutenção de um corpo relativamente magro (pouca gordura e não apenas leve) é importante para a prevenção do cancro da mama.

Há alguma relação entre a gravidez e o cancro da mama?

O cancro da mama na gravidez é muito raro. Aparece em cada 1 de 4000 gestações normais. Não tem pior prognóstico (não é mais grave) por ser na gravidez. No entanto e como as mamas mudam muito de forma e ficam congestionadas na gravidez habitualmente é descoberto mais tarde. É verdade também que se o tumor em causa for sensível aos estrogénios poderá crescer mais depressa. Um outro aspecto importante é que para o cancro da mama na gravidez existem tratamentos distintos consoante o trimestre em que aparece pois o feto está também em fases diferentes de desenvolvimento. Como o cancro da mama diagnosticado em mulheres jovens, o da gravidez impressiona-nos mais pelo impacto que tem na mãe e no filho. Não existe nenhuma razão científica para ter mais medo do cancro da mama quando se engravida mas se isso acontecer existem sempre soluções.

Li na internet que a utilização de antitranspirantes ou desodorizantes com alumínio pode causar cancro da mama. É verdade?

Não. Não há nenhum estudo científico que comprove uma ligação entre antitranspirantes, ou desodorizantes com alumínio, e cancro da mama. Por enquanto, não há nenhuma causa primária do cancro da mama. A única coisa que podemos fazer é tomar conta de nós, mantendo estilos de vida saudáveis e seguindo os conselhos para detecção precoce.

Os homens também podem ter cancro da mama?

O cancro da mama nos homens é extremamente sério mas felizmente raro. Menos de 1% dos casos de cancro da mama são nos homens - quer dizer que em Portugal todos os anos, 5600 mulheres são diagnosticados com cancro da mama, contra cerca de 55 homens. Destas 5600 mulheres, a estatística indica que haverá 1500 mortes. 

Não há prevenção primária (causa conhecida) ou secundária (diagnóstico precoce) neste momento para cancro da mama nos homens; por isso a Laço não tem nenhuma mensagem específica para os homens. Só podemos encorajar estilos de vida saudáveis e atenção imediata às alterações no corpo.

Tive cancro da mama. Agora devo comer ou evitar produtos com soja?

Neste momento, o conselho para mulheres que já tiveram cancro da mama é que não é preciso evitar comida com soja se já fazia parte da sua dieta normal (sempre em moderação). Mas não é preciso ir a procura de produtos com soja se não comia antes. Não é aconselhado tomar suplementos de soja. 

Como posso fazer uma doação de cabelo?

  • O comprimento mínimo necessário são 25,4 cm. medidos de ponta a ponta.
  • O cabelo deve estar em um rabo de cavalo ou trança antes de ser cortado.
  • O cabelo deve estar limpo e completamente seco antes de ser enviado.
  • Coloque o rabo de cavalo ou trança dentro de um saco plástico e, em seguida, dentro de um envelope almofadado.

Locks of Love é uma organização pública sem fins lucrativos que fornece proteses capilares para as crianças financeiramente desfavorecidas nos Estados Unidos e no Canadá com menos de 21 anos que sofrem de perda de cabelo médica a longo prazo de qualquer diagnóstico. A "Locks of Love" recebe doações de cabelo.

  •  Locks of Love, 234 Southern Blvd. - West Palm Beach, FL 33405-2701

Little Princess Trust é uma associção inglesa que recebe doações de cabelo para fazer proteses capilares para crianças.  

Mulheres mais velhas têm maior tendência a ter cancro da mama do que mulheres mais jovens?

A idade, a seguir ao sexo, é o maior factor de risco para desenvolver cancro da mama – quanto mais elevada a idade, maior é o risco. Cerca de 80 por cento dos cancros da mama ocorre em mulheres com mais de 50 anos de idade. O cancro da mama não ocorre durante o período de desenvolvimento mamário – e é extremamente raro que alguém com menos de 20 anos de idade tenha cancro da mama.

A maior parte dos cancros da mama não é hereditário (de família)?

A maior parte dos cancros da mama acontece por acaso. Só cerca de 5 a 10 por cento dos cancros da mama são hereditários. Como o cancro da mama é comum, com cerca de 4500 novos casos diagnosticados em cada ano, não é invulgar que haja mais do que um membro da mesma família com cancro da mama. Isto não significa que seja maior o seu risco de desenvolver cancro da mama. O seu risco é, muito provavelmente, o mesmo do que qualquer outra pessoa da população em geral.

Uma mamografia ajuda a detectar o cancro da mama?

Uma mamografia – basicamente uma radiografia da mama - é usado para visualizar e detectar o cancro ou outros problemas mamários, a tempo de serem tratados o mais rapidamente possível. Como o cancro da mama é mais comum em mulheres com mais de 50 anos de idade, as mulheres que se incluam na faixa etária entre os 45 - 50 e os 69 anos são aconselhadas a fazer mamografia de 2 em 2 anos.

O cancro da mama pode afectar mulheres com mamas pequenas?

O cancro da mama pode afectar mulheres com mamas pequenas, médias ou grandes – de qualquer tamanho. O tamanho não importa.

Encontrar um caroço na mama não significa que seja cancro?

De facto, 9 em cada 10 caroços nas mamas não são cancro. Muitas pessoas sentem caroços nas mamas antes do período menstrual. Esta é uma resposta normal às mudanças hormonais e muitas vezes os caroços desaparecem depois do período. Se não desaparecer, convém ser observado por um médico. Não se preocupe e não tenha receio de fazer o seu médico perder tempo.

Alguns conteúdos cedidos pelo Breast Cancer Care

Há coisas que não causam o cancro da mama? 

Infelizmente a ciência ainda não sabe a causa do cancro da mama mas sabemos que há coisas que NÃO são perigosas:

1) O soutien – pode usar, não usar, usar com aros, sem aros, ao dormir, preto, rosa – o que quiser porque o seu soutien não vai causar o cancro da mama.
Saiba mais:http://cebp.aacrjournals.org/content/early/2014/08/27/1055-9965.EPI-14-0414.abstract

Mas vale a pena ter um soutien confortável:http://www.laco.pt/cancro-mama/prevenção-riscos/soutiens

2) Desodorizante/anti-transpirante

Saiba mais:http://www.breastcancercare.org.uk/breast-cancer-information/breast-awareness/frequently-asked-questions/do-deodorants-antiperspirants-cause-breast-cancer

http://www.cancer.org/cancer/cancercauses/othercarcinogens/athome/antiperspirants-and-breast-cancer-risk

http://www.cancerresearchuk.org/.../cancercon.../deodorants/

3) “levar uma pancada”

http://www.breastcancercare.org.uk/breast-cancer-information/breast-awareness/frequently-asked-questions/can-injury-breasts-cause-breast-cancer

4) pintar o cabelo ou usar champô

http://ww5.komen.org/ContentNoSidebar.aspx?id=5956&terms=coloring+hair
http://ww5.komen.org/Content.aspx?id=6442451903

5) stress – sem duvida o stress não é bom para a nossa saúde porque dormimos mal, comemos pior, podemos abusar cafeína, nicotina, álcool e mais e não prestamos atenção a saúde mas o stress não causa o cancro da mama.

http://www.breastcancercare.org.uk/breast-cancer-information/breast-awareness/frequently-asked-questions/does-stress-cause-breast-cancer

http://www.cancerresearchuk.org/.../stress-and-cancer2


Mais informações sobre as polémicas em relação as causas do cancro:http://www.cancerresearchuk.org/cancer-info/healthyliving/cancercontroversies/
 

 

 
Voltar
 
 
Aviso: A informação contida neste site é necessariamente de carácter geral e não constitui nem dispensa uma consulta médica apropriada.